Mestre Leopoldina - O último bom malandro. - Tucumã Brasil ® Oficial
Apoie este trabalho
Mestre Leopoldina - O último bom malandro.

Mestre Leopoldina - O último bom malandro.

Share This
Infelizmente não tive o prazer e a satisfação de conhecer este grande Mestre da capoeira e da malandragem carioca. Mais pude acompanhar um pouco sobre Mestre Leopoldina. Iniciado na capoeira pelas "maltas" carioca tendo mais tarde um ensinamento acadêmico por assim dizer expressa a capoeira de uma geração. Infelizmente não esta mais conosco hoje em dia, mais deixou seu legado e seu filho hoje continua seu trabalho e nome.
Documentário produzido por Nestor Capoeira e disponibilizado pela www.abeiramar.tv

Nossos mais sinceros parabéns a todos os envolvidos nesta tarefa de produzir este documentário. Precisamos de mais iniciativas como estas!


Parceiro: open Capoeira
Link do vídeo: http://opencapoeira.blogspot.com/2012/01/o-ultimo-bom-malandro.html?spref=fb

Mestre Leopoldina começou a aprender capoeira aos 18 anos, com o Quinzinho, um jovem malandro carioca, valente, temido e respeitado na região da Central do Brasil (RJ). Um ano depois, Quinzinho foi preso e assassinado na prisão. Leopoldina sumiu por uns tempos, e treinava sozinho, até que soube que Valdemar Santana, lutador bastante conhecido na época, trouxera da Bahia um capoeirista de nome Artur Emídio. Leopoldina foi apresentado a Artur, que o convidou para jogar. "Fui lá, meio envergonhado, e fiz aquilo que o finado Quinzinho tinha me ensinado. No começo a coisa correu bem, mas aos poucos Artur começou a crescer, e era pernada por tudo que era lado, e percebi que ele era mais fera ainda que o Quinzinho". Foi assim que Leopoldina, aprendiz da capoeira carioca, foi apresentado à capoeira baiana. Leopoldina continuou aprendendo com Mestre Artur Emídio, e hoje é Mestre consagrado, muito respeitado, tanto por seu jogo quanto pela habilidade com o berimbau, e por suas composições, admiradas e cantadas em todo o Brasil. É uma das maiores expressões da capoeira antiga, cheia de malandragem e mandinga. É dono de uma simpatia e um carisma enormes, e já cunhou frases pitorescas do repertório da capoeira, como esta, que nos foi revelada uma vez em Guaratinguetá: "a capoeira é a maçonaria da malandragem!". Viaja muito para a Europa e EUA, apresentando-se a convite dos mestres que ensinam no exterior.


Texto retirado da página http://www.capoeiradobrasil.com.br/leopoldina.htm

Popular Posts

Pages