A Capoeira, o que parou e o que voltou - Pesquisa. - Tucumã Brasil ® Oficial
Apoie este trabalho
A Capoeira, o que parou e o que voltou - Pesquisa.

A Capoeira, o que parou e o que voltou - Pesquisa.

Share This
Hoje estamos publicando uma pequena análise de uma pesquisa sobre um assunto muito presente na capoeira.
Todos já ouviram falar de algum Mestre, professor, educador, que parou de capoeira por alguma razão, durante alguns anos e posteriormente volta com a mesma graduação e/ou até maior.
Pensando nesta questão e tentando mostrar a opinião dos capoeiras de diferentes regiões e de variados grupos.

Fizemos a seguinte pergunta:
Qual a sua opinião sobre Mestres/educadores que pararam de capoeira por algum motivo durante anos e retornam a capoeira com a mesma graduação e/ou maior?
  • 100% das pessoas entrevistadas  citaram o apoio ao retorno das mesmas a capoeira.
Isto mostra claramente o apoio da classe capoeiristica para o recebimento destas pessoas que decidem regressar a capoeira. Rever amigos de longa data, fatos e acontecimentos que marcaram a sua jornada de capoeira é algo maravilhoso. Quando um Mestre "volta" para a capoeira, sente-se uma sensação de felicidade e entusiasmo. 
  • Contudo, 86.6% delas fizeram alguma referências a questão de atualização na capoeira.
Aqui encontramos uma grande preocupação entre os capoeiristas com a questão do "atualizar-se". Conversando com alguns Mestres e entrevistados, percebi a citação da grande dificuldade que o "regressado" terá. Muitos disseram: "ele terá que mostrar novamente o seu valor"(não fomos autorizados a citar o nome do autor).
Isto mostra que os capoeiristas tendem a ajuda-los no seu regresso, motivados pela amizade, admiração, respeito, onde a confiança é a base fundamental.
  • 62.1% das pessoas entrevistadas citaram também que deveria haver um conselho avaliativo dessas pessoas. Sugeriram que seria bom ter um órgão máximo na capoeira assim como em outras áreas no qual regulamentasse isso.
Visivelmente percebemos a vontade dentro dos capoeiristas de organização. A vontade de um órgão que regulamentasse a profissão, os reconhecessem como Mestres/educadores. Pude notar também, que  a grande maioria tem vontade de que este órgão, padronize coisas simples, como os abaixo:
  1. Padronização da nomenclatura dos movimentos, um único nome para um mesmo golpe.
  2. Único sistema de graduação.
  3. Critérios para troca de graduação 
  4. Idade miníma e/ou tempo mínimo para cada graduação. 

Na entrevistas, puder notar também que as pessoas estão cansadas de lutarem sozinhas. Muitos reclamam de pessoas que saem de suas regiões com uma determinada graduação e chegam em outro Estado e/ou países com outra graduação. Não há um lugar que se possa consultar a graduação e/ou situação da pessoa. Abrindo margem para a ilegalidade e falsificação do título de Mestre.

Observação:  As entidades de capoeira, deveriam ouvir mais seus praticantes e tentar ajustar as normas a realidade da capoeira e não o capoeira a vontade destas entidades.




"O que é graduação diante do saber. Graduação não vale nada, o saber é tudo"
Cafuné Capoeira Bimba





















"A CAPOEIRA ESTÁ ÓTIMA. O problema é que tem muita gente mau acostumada, atrapalhando os bons profissionais."
Tucano Preto



















"Em qualquer profissão as pessoas que pararam por algum motivo, antes de voltar elas tem que passar por uma atualização mesmo que ele seja um especialista e na capoeira não é assim"

Mola Capoeira














"Mestre sempre vai ser. Os outros tem que passar por uma avaliação para merecer algum título"
Alessandro Barroso - Professor Ferrugem.

















"Acredito que quando isso vem a acontecer, é por um grande motivo pessoal. Mas sim! Ele deve voltar com a mesma corda, pois foi conquistada antes dele tomar a decisão de parar"
Contra Mestre Corujito
















"enquanto ao parar e retornar na mesma graduação é uma coisa, o problema é quando eles param e até mesmo desaparecem, quando retornam aparecem com um graduação maior".
Site Open Capoeira
















"é como um doutor, ele vai ser doutor pra sempre. Se ele um dia quiser trabalhar com isso outra vez
ele vai ter que se atualizar. Estudar os avanços da medicina, o capoeira é igual, ele vai ter que estudar os avanços da capoeira"
Conde Capoeira
















Caso algum dos entrevistados por algum motivo quiser que seu nome e/ou foto saia de nossa publicação, avisem-nos através do E-mail.

Esperamos que tenhamos contribuído e colaborado de alguma forma.
Se você tem alguma sugestão de pauta ou tema, envie-nos um E-mail:

info@tucumabrasil.com.br

Popular Posts

Pages